Neste curso intensivo do capítulo brasileiro da Fundação Elisabeth Kübler-Ross, realizado pela terceira vez na cidade de São Paulo, buscaremos conhecer o legado de Elisabeth Kübler-Ross, destacando as contribuições de sua obra para a contemporaneidade. Realizaremos uma imersão na proposta revolucionária de Elisabeth, o modo como conduzia conversas com pacientes gravemente enfermos e suas famílias, ajudando-lhes a construir um senso de paz, dignidade e integridade. Conheceremos aspectos profundamente humanos da atuação de Elisabeth, e realizaremos uma série de atividades teóricas e vivenciais partir do trabalho desta importante pioneira.

Neste curso do capítulo brasileiro da Elisabeth Kübler-Ross Foundation, reativamos oficialmente os seminários sobre a morte e o morrer, com todos os cuidados éticos e humanos envolvidos, e a experiência tem se mostrado de grande impacto para alunos, pacientes, familiares e profissionais envolvidos.

As lições mais poderosas de compaixão, amorosidade, vida plena, arrependimento e redenção tem-nos sido comunicadas por pessoas morrendo, pessoas enlutadas, faxineiras, maqueiros, familiares e amigos, homens, mulheres, pessoas envolvidas com a morte e o morrer de diversas maneiras.

Atenção: Vagas limitadíssimas!

Curso de caráter predominantemente vivencial, integralmente baseado na obra de Elisabeth Kübler-Ross.

Programa
  • Conhecendo o legado de Elisabeth Kübler-Ross e os bastidores de seu trabalho
  • Conhecendo os caminhos das conversas com pessoas gravemente enfermas
  • Sobre o temor da morte
  • Transferência e contratransferência no trabalho com a morte e o morrer
  • O paciente como mestre do cuidado
  • Fenomenologia de J.-P. Sartre e exploração de sentidos e significados no processo de adoecimento
  • Da negação à lucidez: o que a proximidade da morte pode ensinar sobre a vida
  • Raiva: como lidar com a raiva e com os obstáculos da vida adquirindo mais sabedoria
  • Barganha: como amadurecer em nossas relações com os outros, conosco mesmos ou com o sagrado sem uma relação de troca
  • Depressão: conectando-se com as tristezas da vida e construindo um sentido para sair das profundezas com luz interior
  • Aceitação: acessando um estado de compreensão, de paz e de amorosidade frente a uma doença grave
  • Esperanças: em face do sofrimento, como desenvolver recursos para sustentar a esperança?
  • Decatexia: uma experiência de entrega na proximidade da morte
  • Lidando com famílias: como ajudá-las a encontrar paz no curso de sua jornada
  • Despertar para a aurora de um novo dia: como ajudar na resolução de tarefas inacabadas a fim de se viver plenamente
  • Ser presente com os que morrem: como ajudá-los a encontrar paz em seus últimos momentos
  • Luto: tempo de construção de significados
  • De Elisabeth Kübler-Ross aos dias atuais: desafios para uma prática compassiva com os que se aproximam da morte
Informações importantes:
  • Data: 12, 13 e 14 de julho.
  • Local: Café Ventaria – Rua Flórida, 1595 – Vila das Monções.
  • Parte dos recursos arrecadados com o curso será doada para o Serviço Social do Hospital das Clínicas da USP.
Horários
  • 12/07 (sexta): 18h30min às 21h
  • 13/07 (sábado): 9h30min às 19h30min
  • 14/07 (domingo): 9h às 12h
Certificação
  • Para alunos que completarem 100% do curso, será oferecido um certificado pelo capítulo brasileiro da Fundação Elisabeth Kübler-Ross. Certificação será concedida no período de 1 a 2 meses depois da realização do curso.
Política de desconto
  • Será oferecido 15% de desconto para ex-alunos da EKR/Brasil e para alunos e ex-alunos da Casa do Cuidar, assim como alunos de graduação e pós-graduação.
  • Alunos de graduação e residência têm direito a 30% de desconto.
  • Interessados em solicitar o desconto devem, antes de realizar sua inscrição, enviar um e-mail com comprovante de sua condição para ekrbrasil@gmail.com, a fim de obter o código para a inscrição especial.

Inscrições pelo link abaixo:

Docentes
Rodrigo Luz e Daniela Freitas Bastos, Presidente e Vice-Presidente, respectivamente, do capítulo brasileiro da Fundação Elisabeth Kübler-Ross. Mais informações: http://www.ekrbrasil.com