Pular para o conteúdo
EKR Brasil

Grupo Renascer

Projeto

Perder um filho é uma das experiências mais desafiadoras para a saúde mental da pessoa enlutada. Perde-se um futuro, um sonho, o vínculo, paga-se o preço do compromisso, o preço do amor. Depois da perda de um filho, o que mais ouvimos de pais e mães é o seguinte: “E agora, o que eu faço com todo o amor que eu sinto?” Um amor que pede destino, um amor que precisa reencontrar o seu próprio caminho.
Este é um grupo sobre o renascimento do amor, sobre o renascimento de novos pais e mães, sobre o reinventar-se dos escombros da vida, sobre renascer para o amor e para a claridade. Algumas perdas desafiam grandemente a nossa visão sobre a bondade do mundo. Aqui suportaremos a falta de significado e o medo, a tristeza e a dor, e aprenderemos a dar um espaço para todos os sentimentos do mundo.
E também aprenderemos a reaprender. Reaprender a viver implica numa grande dose de coragem, mas a força necessária não vem de fora do relacionamento perdido, mas do próprio vínculo que se rompeu, para que a história de amor não acabe com a morte.
Também serão bem-vindos aqueles que desempenhavam a figura de pais, como avós que cuidavam de netos, tios e tias que desempenhavam a função parental, ou mesmo irmãos que cuidavam de irmãos mais novos. Todos os que se reconhecem como cuidadores, ocupando de maneira principal a função parental, e que se depararam com perdas irrecuperáveis, são bem-vindos.
São bem-vindos pais e mães enlutados que perderam filhos por diversos tipos de perdas, independente da idade ou do tempo decorrente da perda. Os encontros são temáticos e gratuitos, com começo, meio e fim, sendo vividos dentro de um contexto de sigilo e ética, e oferecidos pela equipe da Fundação Elisabeth Kübler-Ross Brasil.

Redes Sociais do Grupo:

Coordenação: Rodrigo Luz

Os encontros do Renascer - apoio ao luto parental ocorrem com frequência quinzenal. Para se inscrever e participar dos encontros, por favor, clique abaixo e preencha o formulário de inscrição.

Inscreva-se